sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

Ano novo, farda nova...

Novo ano, farda nova,
Que na abertura do alcaxe
Qualquer um lhe tirava a prova
Se lhe dessem essa praxe.
Marinheiros em terra
Gaivotas a voar
Na Marinha de Guerra
Aptos para triunfar.
Com estes olhos bonitos
E lábios sensuais
 Mitigavam os famintos
Com energia demais
E punham outros aflitos
Quando atracassem ao Cais
Acabemos com os  atritos
Que para o ano há mais...

1 comentário:

TINTINAINE disse...

Gostava desta no meu pelotão.
E a dormir na tarimba ao lado da minha!